Recentes

IMG 20190507 173144 450x338

A CDU realizou hoje uma um conjunto de contactos e distribuição de um documento entre os moradores do Bairro da Fraternidade, na cidade da Guarda. A iniciativa serviu para denunciar as degradantes condições de habitabilidade de algumas casas do bairro, que colocam em risco a saúde dos moradores, exigindo-se um intervenção urgente, por parte do Instituto de Reabilitação e Habitação Urbana e da Câmara Municipal da Guarda.

Ler documento AQUI.
IMG 20190507 173213 450x338
20190400 mandatária distrito da guarda
A CDU anuncia que a sua Mandatária, para a Candidatura às Eleições para o Parlamento Europeu no Distrito da Guarda será Maria de Fátima Nunes Gomes.

Maria de Fátima Gomes, é independente, nasceu a 24 de julho de 1959 é natural de Vila Nova de Foz Côa e reside em Almeida, possui o Curso Técnico Superior Profissional de Gestão Clinica Administrativa, exerce funções de Assistente Técnica na UCSP de Almeida e é responsável pelo sector administrativo. É presidente da Junta de Freguesia de Almeida pela CDU, estando no seu segundo mandato.

A CDU é força que intervém pela convergência e unidade dos democratas e patriotas, dos trabalhadores e do povo, em defesa dos valores de abril, da Constituição da República, de exigência de uma ruptura com a política de direita e de afirmação de uma política alternativa, patriótica e de esquerda.

Os candidatos da CDU estarão na primeira linha de todos os combates em defesa do povo e do País e por uma outra Europa dos trabalhadores e dos povos, pela defesa dos direitos, do desenvolvimento e da soberania.

A lista de candidatos da CDU às eleições para o Parlamento Europeu de 26 de Maio é composta de mulheres e homens comprometidos com as causas do progresso e da justiça social, da liberdade e da democracia, da soberania e da independência nacionais, da defesa da natureza, da paz e da cooperação.
 

20180927 ManteigasCTT 2

Cerca de uma centena de populares juntaram-se, no passado dia 27 de Setembro, em defesa da Estação de Correios de Manteigas. A acção, convocada pelo MUSP, contou com a participação de utentes dos Correios, dirigentes sindicais e contou com a solidariedade do PCP, que se fez representar por vários dirigentes regionais do Partido.

Depois da descaracterização da estação de correios em Seia, a administração dos CTT pretende encerrar as estações de Manteigas e Fornos de Algodres, duas sedes de concelhos do distrito da Guarda. O PCP mais uma vez recorda o processo que já conduziu ao encerramento de vários postos e estações dos Correios no Distrito.

20180927 ManteigasCTT 4

A degradação da prestação de serviços dos CTT não pode ser desligada da política de sucessivos governos PS, PSD e CDS que visava privatizar este importante serviço. 

O PCP tem vindo a alertar que os postos que funcionam em estabelecimentos comerciais não prestam os mesmos serviços que as estações dos CTT. 

Os novos donos (grandes grupos económicos estrangeiros) querem retirar lucros rápidos e aproveitar a rede dos CTT para implantar um Banco – que sempre foi adiado quando a empresa era pública - enquanto degradam o serviço público postal. 

pexels-photo-345419

Um mês após os incêndios de 15 de Outubro, João Frazão, membro da Comissão Política do CC do PCP, apresentou uma declaração onde swe afirma que, "mais do que a necessidade de
nova legislação que, ainda que possa ser melhorada, existe em abundância, são os meios, a vontade e a determinação em assegurar uma outra política para a floresta e para o mundo rural, com os apoios necessários à pequena e média agricultura".

Ler declaração AQUI.

fogo


Encontra-se em distribuição um folheto em defesa da floresta e das populações que nela vivem, afirmando que as modidas do governo são insuficientes, propondo uma outra política.

Ver folheto AQUI.